#carolnasuécia || Estocolmo PARTE I



DSC_0147

    INCRÍVEL, é assim que defino a experiência vivida por mim em novembro do ano passado (em pleno outono europeu, mas com cara de inverno de tão frio), quando tive a oportunidade de conhecer a Suécia através da minha pesquisa de doutorado. Com o objetivo de apresentar um trabalho na cidade de Uppsala na 28th EFFoST Conference (conferência organizada pela Federação Europeia de Ciência e Tecnologia de Alimentos), parti para a Suécia e aproveitando a oportunidade ainda pude conhecer em Estocolmo o KTH Royal Institute of Technology (especificamente o KTH Biotechnology, lugar dos sonhos de um pesquisador da área). Entre um compromisso e outro fui desbravar a linda cidade de Estocolmo, e esse é o primeiro post da série #carolnasuecia (procure por essa hashtag no Instagram e veja todas as minhas postagens da viagem). Recomendo que Estocolmo tenha um lugar na sua lista de lugares a conhecer, entenda os motivos:

    Construída sobre 14 ilhas, a cidade de Estocolmo (Stockholm, em sueco) é a capital da Suécia e uma das mais importantes cidades da Escandinávia, sendo apelidada de "Veneza do Norte" por causa desta privilegiada localização geográfica. Sede do governo sueco, do Parlamento e da residência oficial do monarca sueco, é a maior cidade da região da Escandinávia, região esta formada pela Suécia, Noruega e Dinamarca, os chamados países nórdicos. A cidade está dividida em três partes: Estocolmo Central (Innerstaden), Estocolmo Meridional (Söderort) e Estocolmo Ocidental (Västerort). Na Estocolmo Central se encontram os bairros mais badalados e turísticos da cidade (Kungsholmen, Norrmalm, Södermalm e Östermalm). A sua moeda é a coroa sueca (SEK), na cotação de hoje 1SEK = R$0,33, mas não se engane com esse valor, as coisas por lá são bem caras, e com cartão de crédito você paga absolutamente tudo, não precisa se preocupar com dinheiro em espécie. Quanto à comunicação, confesso que estava meio receosa porque sueco é tipo grego para mim, mas eles falam inglês fluentemente, o que deixou tudo mais fácil. Algumas palavrinhas básicas que vale a pena saber:
Hej (Olá)  |  Tack (Obrigada)  |  Hej då (Tchau)  |  Förlåt mig (Desculpe)
Kyrka (Igreja)  |  Gatan (Rua)  |  Museet (Museu)  |  Bron (Ponte)  |  Storg (Praça)

arlanda
O aeroporto de Arlanda, o principal da Suécia, se localiza há cerca de 40 km ao norte de Estocolmo. Há duas maneiras de ir até Estocolmo: de ônibus ou de trem. De ônibus, pela companhia Flygbussarna, com ticket por 99 SEK. Neste caso, o ônibus vai até T-Centralen, estação de ônibus no centro de Estocolmo e a viagem dura cerca de 1 hora. Já de trem, pelo Arlanda Express, a viagem dura cerca de 20 minutos, mas custa 240 SEK. 

IMG_1727
 Comprei o ticket do Arlanda Express num auto-atendimento localizado ao lado da esteira de retirada de bagagens. Em seguida fui até a estação localizada no próprio aeroporto (foto acima) para pegar o Arlanda Express e chegar assim na Estação Central de Estocolmo (Stockholm Centralstationen). Peguei um táxi (que aliás não era da rede credenciada do aeroporto e cobrou um valor fixo, logo depois descobri que  o preço foi maior que os praticados pelos táxis que cobram a corrida pelo taxímetro) e fui para o hotel que fica em Östermalm, região central da cidade.

hotel1
 Fiquei hospedada no Mornington Hotel Stockholm, um hotel super agradável, bem localizado e com um excelente café da manhã.

IMG_1907
 Bem perto do hotel dei de cara com essa maravilha, a Igreja de Santa Eleonora (Hedvig Eleonora Kyrka).

IMG_1897
 Eu praticamente conheci Estocolmo a pé, graças ao aplicativo SWEEDEN, com o qual é possível ter um breve histórico dos pontos turísticos e traçar uma rota, o melhor de tudo é que isso pode ser feito offline, não precisando ficar dependente de internet. Super recomendo!! 

IMG_1993
 Bem em frente a Igreja de Santa Eleonora, você encontra o Östermalms Saluhall, mercadão sueco (tipo coisa phyna) aberto em 1888 e considerado o melhor de Estocolmo. 

IMG_2312
 O mercado esbanja charme e é repleto de delícias gastronômicas. Abriga alguns restaurantes, cafés e bares de vinho, mas já adianto que os preços não são muito camaradas $$$$.

IMG_1970
 Eu sempre que viajo preciso obrigatoriamente conhecer o mercado da cidade, deve ser coisa de cientista de alimentos.

IMG_1891
 Na região de Norrmalm você encontra o Kungsträdgården (parque localizado na região central de Estocolmo). Em decorrência do outono e do frio as árvores estavam secas, mas mesmo assim não deixou de ser um cenário lindo. Vi as fotos desse parque em outras estações e as árvores ficam muito coloridas por causa das flores.

IMG_1916
 Em Estocolmo é assim, a cada passo uma pintura histórica e linda.

IMG_1906
  Ainda na região de Norrmalm, ao lado do Kungsträdgården, é possível ver a Sankt Jacobs Kyrka (Saint James's Church) com seu laranja vibrante.

DSC_0030
 Gamla Stan (um dos meus lugares favoritos) é a cidade velha de Estocolmo (surgiu no século XIII), com arquitetura antiga e praças grandes. É uma das regiões mais bonitas da cidade e se estende sobre três ilhas, chamadas Stadsholmen, Helgeandsholmen e Strömsborg.

DSC_0053
 Um dos cartões postais de Gamla Stam é a praça Stortorget, foi nela que aconteceu o famoso banho de sangue, em que o Rei Cristiano II da Dinamarca massacrou nobres suecos, em novembro de 1520.

DSC_0035
 Ruas super estreitas estão por toda parte em Gamla Stan.

DSC_0057
 Na Stortorget ainda está o Museu do Nobel e a Academia Sueca.

DSC_0073
 Me diz como não se apaixonar por Gamla Stan?

DSC_0029
 Em uma das 53 pontes de Estocolmo que ligam as 14 ilhas que formam a cidade. Ao fundo o Stockholm City Hall (no próximo post falarei mais sobre ele).

DSC_0093
 Na ilha de Stadsholmen fica o Palácio Real (Stockholms slott), residência da Família Real da Suécia. 

DSC_0084
 Reconhecido como um dos maiores palácios europeus, com 7 pavimentos de altura, sua construção foi iniciada no final do século 17 e concluída apenas em meados do século 18.

DSC_0167
 O antigo bem preservado, um belo exemplo de cultura e tradição.

IMG_2311
 Caminhar pelas ruas de Estocolmo é a melhor maneira de conhecer a cidade.

IMG_1874
 Na ponte Skeppsholmsbron, com Strandvägen ao fundo.

IMG_1876
 Os charmes das coroas na ponte Skeppsholmsbron, que liga Blasieholmen a Skeppsholmen.

IMG_1909
 Essa foto descreve bem a essência da cidade. Um dos meios de transporte preferidos pelos suecos é a bicicleta, lá se encontra uma grande quantidade de ciclovias (760 km) muito bem sinalizadas, além de alguns pontos espalhados pela cidade, onde você pode alugar uma bicicleta.

DSC_0148
 Pintura viva em Blasieholmen.

IMG_2010
 Universidade AlbaNova, onde fica o KTH Royal Institute of Technology, que falei no início do post.

IMG_2009
 Prédio do KTH Royal Institute of Technology.

DSC_0119
 Na Blasieholmen, antes de atravessar a ponte Skeppsholmsbron. Ao fundo o encantador centro histórico Gamla Stan.

Essa cidade é linda demais!
O que vocês acharam?
Em breve vem o post com a parte II de Estocolmo e um outro sobre a cidade de Uppsala.

Beijos, Carol Aquino

Postado por Carol Aquino - , , , , , , , , , , ,

1 comentário



1 comentário

Deixe o seu comentário