Trilha Morro do Cambirela



Sem título

    Depois de um fim de semana com dias incríveis de muito sol aqui em Floripa, vamos começar a segunda-feira com muita energia e com um post que relata a experiência inesquecível que tive no sábado (dia 07), que foi subir o Morro do Cambirela. Recebi o convite de uma amiga que é apaixonada por trilhas e mesmo sabendo que era um dos percursos mais difíceis resolvi aceitar. Conheci pessoas super legais e na companhia delas e do meu marido encaramos essa aventura, mas antes de contar mais detalhes desse dia entendam o porquê dessa emoção: 


IMG_20130907_080333
    A Trilha do Cambirela é uma das trilhas que mais atrai os aventureiros da região. É uma trilha muito difícil de ser percorrida e exige um ótimo prepara físico dos aventureiros. O primeiro trecho da trilha é bem tranquilo e percorre a parte de trás de uma pedreira visível para quem transita pela BR101. Após 30 minutos de caminhada a trilha começa a ficar cada vez mais íngreme e daí para frente o percurso é por dentro da mata fechada num trajeto de grande inclinação. 
    A trilha tem algumas marcações em árvores e quando não existe a melhor decisão é tomar o caminho que sobe! Após 1h30 ou 2h de caminhada chega-se a uma parede de pedra onde forma-se uma gruta. De lá avista-se pela primeira vez e de forma bastante aberta todo o visual do litoral, desde Florianópolis até a Pinheira (Palhoça). 
    A última arte do trajeto continua bastante íngreme e no final a trilha conduz o aventureiro até o topo do morro, a 1.043 metros de altura. 
    Do alto do morro avista-se toda a Ilha de Santa Catarina e, ao sul, até o Morro que divide a Palhoça do município de Paulo Lopes. 
Fonte: visitefloripa.com.br

9
A subida durou umas 3h30m, com trechos de dificuldade, mas a vontade de chegar ao topo nos dava ânimo para seguir até o final.

4
Pausa para hidratação, apesar da altura (olha o fundo na foto) ainda tínhamos um longo caminho pela frente.

7
Pausa na gruta, que cruzamos no percurso, para repor a energia e apreciar a paisagem (um ótimo aperitivo do que nos aguardava).

12
Enfim a recompensa, uma vista maravilhosa do topo do Cambirela.

20
A sensação era de conquista, um momento de reflexão contemplando as maravilhas que Deus faz nas nossas vidas.

14
Descanso depois do lanchinho, afinal ainda precisávamos descer aquilo tudo.

13
A vontade era ficar ali por horas e horas.

11
Aproveitar a vida é preciso!

1
Galera "gente boa" reunida para registrar a conquista.

2
Mortos de cansados depois da descida (achei mil vezes mais difícil que a subida, trechos escorregadios, alguns tombos e atenção redobrada) e com energia para mais uma foto desse dia maravilhoso.

19
O importante é ir além do que você acha que consegue.


Que venham outras oportunidades e novas aventuras!
Gostaram das fotos?
Beijos e uma ótima semana


assinatura padrão2

Postado por Carol Aquino - , , , , , ,

1 comentário



1 comentário

  1. Anônimo

Deixe o seu comentário